Toda a beleza de Coqueirinho, Conde – PB

Nesse post conheceremos toda a beleza de Coqueirinho, Conde – PB, praia do litoral sul daquele estado. Ela fica bem próxima do distrito de Jacumã, o principal dessa cidade e também de João Pessoa. Não mais que 37 KM de distância da capital paraibana.

Uma boa surpresa que tivemos foi que o trajeto a partir da entrada após a rodovia PB – 008 já está calçado. Sempre líamos e víamos em vídeos que essa era uma reivindicação antiga dos visitantes e moradores locais, pois não era raro os carros particulares terem dificuldades pra acessar a área.

O calçamento de paralelepípedos chega até bem perto da praia. É cobrada uma taxa de R$ 5,00 no estacionamento, que, a bem da verdade, ainda está com um bom trecho a ser completado.

A ideia é que a obra seja finalizada e seja criado um amplo estacionamento rodeado por bares. De qualquer forma, isto tudo já está funcionado do jeito que as coisas estão.

coqueiinho-conde-1

Descemos do carro pra dar uma olhada… por onde poderíamos começar, quais seriam os melhores lugares pra se obter boas fotos… mas nada como uma pessoa do local, que conhece a região, pra dar as melhores dicas.

Fomos recebidos por uma senhora simpaticíssima, dona de um dos maiores bares da praia. Ela nos explicou que do lado direito da praia ficavam as rochas, e que portanto era preciso ter um pouco de cuidado.

Realmente, desse lado é preciso muita atenção ao caminhar, principalmente se a maré estiver cheia ou já enchendo, pois as ondas se chocam contra as barreiras rochosas da beira do mar. Esse choque muitas vezes acaba provocando um espetáculo belíssimo, as águas alcançam grandes alturas.

Em alguns lugares a erosão das rochas tomam a aparência quase que de túneis, a água passa por baixo dessas pedras e reaparece do outro lado. Vale a pena ficar algum tempo a observar esse movimento todo.

Do lado esquerdo fica a chamada “prainha”.

Nessa pequena enseada realmente tem o mar é bem mais tranquilo, porém, é uma praia movimentada, pois é pra lá que a maioria das pessoas vai.

Se bem que pelo fato de termos ido numa segunda-feira e em um horário ainda cedo, pois logo após ainda iríamos pra Tambaba, ainda não havia tanta gente, mas já dava pra perceber que o movimento aumentava com o tempo.

Ao contrário de outros locais, as barreiras, que são popularmente conhecidas como “falésias” não estão erodidas, mas, em grande parte, cobertas pela vegetação.

Aliás, essa é uma Área de Proteção Ambiental (APA), ela abrange, além da Praia de Coqueirinho, também a de Tabatinga e Tambaba, se estendendo por  3.270 hectares.

Grande parte dessas regiões praianas do sul da Paraíba vem sendo ocupadas por restaurantes, hotéis, bares e condomínios. Pra que isso tudo não afete negativamente as praias, é que a APA foi iniciada em 2002, pelo Governo estadual paraibano.

Não se pode negar que o que é construído tem um potencial positivo, pois pode dinamizar a economia e gerar emprego e renda, porém, é preciso que tudo seja muito bem planejado, pra que a médio e longo prazo, não se crie um tipo de ocupação predatória, que prejudique o meio ambiente, botando tudo a perder.

Esse foi o nosso último artigo sobre o litoral sul da Paraíba, nas praias da cidade de Conde, que, ao contrário do que algumas pessoas pensam, não é João Pessoa. É uma outra cidade, também com praias e outros atrativos que valem a pena serem vistos.

Quando for à Paraíba, não deixe de visitar a Praia do Amor, Barra de Gramame, Tambaba e muitas outras. Esses são lugares que você não pode deixar de curtir.

Participe, comente esse post: